Laboratório de Estudos da Multifuncionalidade Agrícola e do Território – LEMATE
  • Professor Cazella participa de evento organizado pela Coordenação de Indicação Geográfica do MAPA

    Publicado em 03/09/2021 às 05:59

    Na tarde do dia 31/08/2021, o prof. Cazella participou de evento organizado pela Coordenação de Indicação Geográfica do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, com apoio da Escola Nacional de Gestão Agropecuária (MAPA/Enagro) sobre o Guia metodológico “Valorizar os recursos territoriais: chaves para ação”, que contou também com a participação de Eliane C. Müller, representante da Associação dos Bananicultores de Corupá (Asbanco), organização gestora da Indicação Geográfica da Banana da Região de Corupá (SC). Este Guia foi traduzido a partir da versão original francesa com a assessoria técnico-científica e revisão da versão em português dos professores Ademir Antonio Cazella (UFSC) e Valério A. Turnes (UDESC). Os dois professores integram as equipes do projetos de pesquisa financiados pelo CNPq e FAPESC sobre o tema da Cesta de Bens e Serviços Territoriais executados pela equipe do Lemate/UFSC com apoio de pesquisadores de organizações externas (UDESC, EPAGRI, SEBRAE-SC, IFC – Campus de Rio do Sul e IFSC – Campus de São Miguel do Oeste).

    Link de acesso à Webinar: https://youtu.be/Aqb0T8sNioA


  • Lemate tem projeto de pesquisa aprovado em Edital Universal da FAPESC

    Publicado em 20/05/2021 às 11:01

    O Lemate/UFSC aprovou o projeto de pesquisa “Desenvolvimento territorial sustentável: interfaces entre a cesta de bens e serviços, mercados e marcas territoriais” no Edital Universal da FAPESC, cuja execução será de dois anos a partir de junho de 2021. Este projeto contempla uma parceria de pesquisa interinstitucional iniciada em 2016, que agrega pesquisadores de diversas instituições que atuam em Santa Catarina, com destaque para a Epagri, a UDESC e o IFSC Campus de São Miguel do Oeste, e externas, em especial a Université Grenoble Alpes da França, na pessoa do prof. Bernard Pecqueur, e a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), esta última representada por pesquisadores do Grupo de Estudos e Pesquisas em Agricultura, Alimentação e Desenvolvimento (GEPAD), coordenado pelo prof. Sérgio Schneider. Com essas parceiras almeja-se aprofundar a adaptação do enfoque teórico-metodológico de pesquisa da Cesta de Bens e Serviços Territoriais (CBST) por meio da continuidade de estudos de casos em territórios rurais de Santa Catarina, já iniciados com apoio de projeto de pesquisa junto ao Edital Universal do CNPq de 2018. Para tanto, articula-se a abordagem da CBST, formulada na França, com os “mercados imersos” construídos por agricultores familiares, com as marcas coletivas utilizadas por redes de Agroindústrias Familiares (AIF) de duas regiões do estado (Extremo-Oeste e Serra Catarinense). Os resultados do projeto serão discutidos e compartilhados com atores territoriais que se encontram à frente dessas iniciativas, gestores públicos e universitários.


  • Integrantes do Lemate participam de publicação sobre Cooperação e Desenvolvimento Rural

    Publicado em 24/03/2021 às 16:55

    As experiências de cooperação retratadas no livro Cooperação e Desenvolvimento Rural: Olhares Sul Americanos expressam uma diversidade de habilidades, práticas, oportunidades e desafios presentes em processos associativos e cooperativos relacionados aos territórios rurais. O livro foi organizado a partir da IV edição da Escola de Verão promovida pelo Comitê sobre Processos Cooperativos e Associativos da Associação de Universidades do Grupo Montevidéu (Procoas/AUGM), ocorrida entre os meses de fevereiro e março de 2020, em Santa Catarina (Brasil). Em função disto, a maioria das experiências retratadas no livro está inserida em dinâmicas de desenvolvimento rural deste estado/país. Todavia, pelas suas características e relevância, elas podem gerar ensinamentos para outras realidades. 

    Além do prof. Fábio Luiz Búrigo, que foi um dos organizadores da obra, o livro conta com a participação de outros integrantes do Lemate: Prof. Ademir Antonio Cazella, Eloiza Andréa Moraes Silva, Marja Zattoni Milano e Stéfani Tamara Pérez.

    Os autores são oriundos do Brasil, Uruguai, Argentina, Chile e Colômbia, que apresentam suas reflexões a partir de distintas vertentes teóricas e abordagens interdisciplinares. Alguns capítulos se dedicam a estudar processos educativos; outros retratam estratégias de cooperação e gestão inovadoras empregadas por grupos de agricultores e consumidores para viabilizar a produção e o consumo de produtos e serviços de origem familiar e agroecológica; outros retratam a ação coletiva em processos de desenvolvimento sustentável de territórios rurais específicos; e vários capítulos demonstram como a formação de redes de cooperação é determinante para o futuro das organizações e seus associados.

    Trata-se de uma obra que analisa temas contemporâneos dos mais relevantes para a promoção do desenvolvimento rural, a partir do estímulo a processos cooperativos e associativos.

    Acesse aqui a versão em PDF: Cooperação e Desenvolvimento Rural: Olhares Sul Americanos

     


  • Prof. Ademir Cazella participa de evento de Capacitação em Desenvolvimento Rural promovido pela Epagri

    Publicado em 12/03/2021 às 15:38

    No dia 11 de março de 2021, a Epagri deu início a uma série de eventos de Capacitação em Desenvolvimento Rural com o propósito de subsidiar a elaboração do Plano Plurianual 2022-2025 da empresa. Nesse primeiro encontro o tema foi sobre “Cenários para o Desenvolvimento Territorial Sustentável – Desafios com o novo rural: dinâmicas, inovações e possibilidades” e contou com a participação dos professores Sérgio Schneider da UFRGS e Ademir A. Cazella da UFSC, tendo como moderador o extensionista rural Paulo F. da Silva da própria Epagri. O prof. Schneider abordou o tema dos mercados alimentares da agricultura familiar e o prof. Cazella apresentou o enfoque teórico-metodológico da Cesta de Bens e Serviços Territoriais, com resultados parciais de estudos de caso realizados em territórios rurais catarinenses.

    Acesso o vídeo do evento aqui.


  • Lemate e relações internacionais: membro do laboratório realiza estágio de pesquisa no Canadá

    Publicado em 09/03/2021 às 10:56

    Marja Milano é doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Agroecossistemas da UFSC e membra do Lemate desde 2018, sob orientação do Prof. Dr. Ademir Cazella. É também professora do Instituto Federal Catarinense (IFC) – campus Rio do Sul, atualmente em licença integral para se dedicar ao curso de doutorado. Em 2020, Marja foi selecionada para o programa ELAP – Emerging Leader of the Americas Program – e obteve uma bolsa do governo canadense para realizar um estágio de pesquisa junto à University of British Columbia (UCB).

    Assim, em fevereiro de 2021 a pesquisadora embarcou para Vancouver/Canadá, onde passará os próximos quatro meses atuando junto ao “Centro para Sistemas Alimentares Sustentáveis” e ao “Instituto para Recursos, Meio Ambiente e Sustentabilidade” da UBC, sob supervisão da Professora Dr. Hannah Wittman. Nesse período, Marja irá interagir com o grupo de pesquisa liderado pela Dra. Hannah, dedicando-se especialmente ao projeto Navigating Agroecology in Latin America, o qual tem por objetivo compreender e apoiar os processos de transição agroecológica na América Latina e tem o estado de Santa Catarina como um dos focos dos estudos empíricos.

    Durante o estágio, a pesquisadora irá contribuir com a análise colaborativa dos dados que estão emergindo desse projeto e se familiarizar com o aplicativo LiteFarm, uma ferramenta digital desenvolvida na UBC, gratuita e com dados aberto, que pretende auxiliar agricultores na gestão financeira e ambiental da unidade de produção agrícola. Embora ainda em fase inicial de utilização, a equipe do projeto acredita que o LiteFarm pode auxiliar agricultores e técnicos no caminho da transição agroecológica. A pesquisadora Marja, por sua vez, pretende contribuir com a adaptação dessa ferramenta também para o uso pedagógico, a partir de sua experiência enquanto docente do curso técnico em agroecologia do IFC.

    A parceria já estabelecida entre a UBC e o PGA/UFSC tem permitido a construção de projetos de pesquisa de interesse mútuo e o intercâmbio de estudantes e pesquisadores entre as duas instituições. Dessa forma, a realização do estágio de doutorado-sanduíche pela doutoranda Marja, além de ser uma oportunidade de aprendizados e crescimento pessoal para a pesquisadora, contribui para a continuidade e fortalecimento dessa parceria internacional.


  • Lemate e relações internacionais: membro do laboratório conduz estudos na França

    Publicado em 21/09/2020 às 12:20

    Karine Nunes é graduanda em Agronomia no Centro de Ciências Agrárias, da Universidade Federal de Santa Catarina (CCA/UFSC) e membro do Lemate desde 2017. Em agosto de 2019, a estudante embarcou para a França para concluir seus estudos, sob a orientação do prof. Fábio L. Búrigo. Seu intercâmbio é realizado no quadro do programa Brafagri (Capes) e de um acordo de dupla diplomação firmado entre a UFSC e a universidade francesa Bordeaux Sciences Agro (BSA).

    Desde setembro de 2019, a estudante cursa graduação com especialização em Agricultura, proximidade e territórios na Bordeaux Sciences Agro. As regras francesas de ensino permitem que Karine complete sua formação obtendo o diploma de Engenheira Agrônoma e o título de mestre ao mesmo tempo. No curso de mestrado ela estuda o tema do Desenvolvimento de territórios, origem e qualidade de produtos, junto à Universidade de Bordeaux Montaigne.

    No seu primeiro semestre na França, entre setembro de 2019 e janeiro de 2020, a estudante cursou as disciplinas de Geopolítica, Avaliação e acompanhamento da transição agroecológica, Inovação sustentável, Europa em todos os seus estados, Agricultura e relações internacionais, Economia do conhecimento, entre outras.

    No seu segundo semestre, cursou a pré-especialização em Economia e Geopolítica da Agricultura, que é composta por 3 meses de aulas e projetos pré-profissionais e 3 meses de estágio. Este último foi realizado entre junho e agosto de 2020 junto ao programa de pesquisa-ação MicroAgri, no qual continua como voluntária até fevereiro de 2021, quando realizará seu estágio final (6 meses) junto ao programa. O objetivo de MicroAgri é estudar o fenômeno dos microestabelecimentos agropecuários no departamento da Gironda. Esses estabelecimentos são baseados, de modo geral, na instalação de neorurais, na produção inspirada por agriculturas alternativas (agroecologia, permacultura, agrofloresta, agricultura biodinâmica) e na comercialização em circuitos curtos e de proximidade (< 80 km). Na ocasião do estágio, a estudante visitou e entrevistou 15 agricultores com a missão de avaliar a viabilidade de seus estabelecimentos agropecuários. A continuação deste trabalho de avaliação se dará através da discussão dos resultados junto aos professores Ademir A. Cazella (Lemate/UFSC) e Bernard Del’Homme (MicroAgri/BSA). Além da cooperação reflexiva e teórica, o objetivo é também de fortalecer os laços entre o Lemate e o grupo de pesquisa EADT (Ambiente, atores e dinâmicas territoriais), do qual o professor Bernard faz parte.

    Desde 2019, Karine realiza também uma pesquisa sobre o serviço de extensão rural oferecido pelas instituições oficiais catarinense (Epagri) e francesa (Chambres d’agriculture). O objetivo desta pesquisa, que será seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), é analisar os perfis dos extensionistas rurais quanto à sua percepção em relação ao seu trabalho, à sua contribuição às diversas dimensões do desenvolvimento sustentável em escala local/regional e à articulação coletiva dos agricultores. O projeto tem sido orientado pelos professores Oscar J. Rover (UFSC) e Adeline Alonso Ugaglia (BSA).

    Todas as atividades da estudante têm sido acompanhadas pela equipe do Lemate, contribuindo para a qualificação dos seus projetos. A oportunidade do intercâmbio de graduação com dupla-diplomação e possibilidade de realização de um mestrado tem apresentado muito potencial não só para a carreira acadêmica da estudante, mas também para o estabelecimento de novas parcerias entre o Lemate e grupos de pesquisa franceses que trabalham sobre as mesmas temáticas que o laboratório.


  • Pesquisa sobre “Cesta de Bens e Serviços Territoriais” é apresentada em evento da UNOESC

    Publicado em 01/09/2020 às 22:23

    No dia 29 de agosto de 2020, o professor Ademir A. Cazella e a pós-doutoranda Andréia Tecchio, ambos do PGA/UFSC, apresentaram a pesquisa intitulada “O Enfoque da Cesta de Bens e Serviços Territoriais: modelo de análise do Desenvolvimento Territorial Sustentável”. Essa pesquisa é conduzida pelo Lemate e conta com apoio financeiro do CNPq/Edital Universal 2018, sendo executada por um grupo de pesquisadores de diferentes organizações científicas do estado de Santa Catarina.

    A apresentação on line foi realizada no âmbito do curso de extensão em Desenvolvimento Regional, promovido pelo Programa de Educação Superior para o Desenvolvimento Regional – Proesde/Desenvolvimento da Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc). Este curso é coordenado pelos professores Tânia Nodari, Idiane Mânica Radaelli e Evelacio Roque Kaufmann. O evento reuniu 217 estudantes de graduação em agronomia, administração, ciências contábeis, educação física, direito, psicologia, enfermagem, psicologia, farmácia, medicina veterinária, zootecnia, radiologia, engenharias e arquitetura das regiões de Joaçaba, Xanxerê e São Miguel do Oeste.

    O Professor Ademir abordou o enfoque teórico-metodológico da Cesta de Bens e Serviços Territoriais (CBST), destacando que ele pode ser utilizado em ações de promoção do Desenvolvimento Territorial Sustentável (DTS) e como ferramenta analítica para inventariar ativos e recursos territoriais específicos, bem como para orientar estratégias de DTS. A pós-doutoranda Andréia apresentou os resultados da primeira etapa da pesquisa de campo realizada em municípios da Associação dos Municípios do Extremo Oeste de Santa Catarina (Amesoc). De maneira específica, foram enfatizados os ativos e os recursos territoriais que já estão sendo mobilizados em projetos de DTS ou que podem compor uma estratégia de CBST no extremo oeste catarinense.


  • Professor Cazella profere palestra em evento internacional

    Publicado em 28/08/2020 às 14:29

    No dia 25/08/20, o Prof. Cazella proferiu palestra sobre o tema da Cesta de bens e serviços territoriais durante painel organizado pela Rede Ibero-Americana de Estudos sobre Desenvolvimento Territorial e Governança (Redeteg). O vídeo da palestra pode ser acessado pelo link abaixo.

    https://youtu.be/MiSeoIgJ4dw


  • Lemate produz manual e vídeo sobre a plataforma SIDRA/IBGE e o Censo Agropecuário

    Publicado em 17/08/2020 às 10:22

    A partir de uma demanda interna do Lemate, Karine Nunes e Ana Cecília Guedes, membros do laboratório, elaboraram um vídeo-tutorial sobre o uso da plataforma SIDRA/IBGE e o Censo Agropecuário.

    Além do vídeo, Karine produziu também um pequeno manual de utilização da plataforma, que pode ser acessado clicando aqui.


  • Lemate apresenta seu novo logotipo

    Publicado em 15/07/2020 às 20:09

    O Lemate está de cara nova!

    Seu novo logotipo apresenta a figura de um balão de ensaio, contendo em seu interior a  representação estilizada de um grupo de pessoas, em atitude de cooperação. A ideia é fazer alusão a um laboratório que desenvolve projetos de pesquisa e extensão junto a grupos sociais, com ênfase em experiências que promovam a multifuncionalidade, o cooperativismo e o desenvolvimento sustentável dos territórios rurais.