Pesquisa de campo sobre “Cesta de bens e serviços territoriais” é realizada no Extremo-Oeste de Santa Catarina

13/08/2019 11:41

Entre os dias 05 e 09 de agosto, Andréia Tecchio, Pós-Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Agroecossistemas da Universidade Federal de Santa Catarina (PGA/UFSC), Adinor Capellesso, professor do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), campus São Miguel do Oeste e Clovis Dorigon, pesquisador do Centro de Pesquisa para a Agricultura Familiar da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Cepaf/Epagri), realizaram pesquisa de campo na região do Extremo-Oeste de Santa Catarina.

O objetivo principal consistiu em identificar bens, produtos e serviços que são específicos da região do Extremo-Oeste e estão sendo usados, ou que podem ser mobilizados para promover o desenvolvimento territorial. No total, foram realizadas 14 entrevistas com agentes públicos, privados e cooperativos de diferentes esferas de atuação, em seis municípios.

Esta atividade está vinculada a pesquisa de Pós-Doutorado de Andréia Tecchio e integra o projeto “O Enfoque da Cesta de Bens e Serviços Territoriais: modelo de análise do Desenvolvimento Territorial Sustentável”, que conta com apoio financeiro do CNPq/Edital Universal 2018 e é coordenado pelo Lemate. Além do CNPq, para a realização da pesquisa de campo foi fundamental o apoio do IFSC e da Epagri.